BLOGGER TEMPLATES - TWITTER BACKGROUNDS »

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Nostalgia


"Hoje os ventos do destino
Começaram a soprar
Nosso tempo de menino
Foi ficando para trás
Com a força de um moinho
Que trabalha devagar"
Esse é um trecho da música do grupo engenheiros do hawaii, depois de nós, eu li essa letra e me veio recordações tão bonitas na minha mente, meu tempo de criança como era legal. Lembro-me com mais saudades dá época em eu estava saindo da infância para ser sincera, para ser mais exata do tempo de emília... como tenho boas recordações das pessoas, nos davamos tão bem, não existia tantos interesses em jogo, ninguém precisava ficar medindo o que ia falar, simplesmente pq ninguém ali no meio ia levar a mal, todos se conheciam, em especial minhas amigas... nossa como eu amava aquela época, se tivesse que decidir voltar no tempo hoje reviveria a minha 8ª série, como amo as pessoas que conviveram comigo nesse ano, ainda tenho contato com elas, mas queria te-las novamente todos os dias ao meu lado, assim não precisaria me preocupar em como agir, em como falar... confio cegamente em cada uma pq tenho certeza que cada uma me ama como eu as amo.
Mas os ventos do destino começaram a soprar..., e infelizmente nós fomos levadas a ter uma maior distância, mas não necessariamente um menor amor. Agora somos atropeladas por trabalhos, por provas, por professores malucos, por seminários impossíveis..., enfim é tão complicado agora se encontrar e ter novamente a chance de ser eu sem receio, sem medo de ser mal interpretada, sem medo de confusões por bobagens... quero esses dias de volta pra mim de alguma forma, as vezes tenho a sensação de que nunca mais terei essa liberdade, a liberdade de dizer o que penso. Não que os que me circundam hoje sejam ruins,pelo contrário, mas é que os que me observam de longe esperam uma deixa pra fazer confusões..., posso estar errada, mas sinto isso.
Desejo do fundo do meu coração que nunca os ventos do moinho nos levem para tão longe que nem ao menos em um breve encontro na rua eu não possa sentir o abraço reconfortante de vocês, e ver nos olhos de cada uma que independente de em que estado estejamos nós estaremos sempre ali, pra fazer piadas da vida e dar colo umas as outras até o fim.
Infelizmente o tempo é uma coisa que nunca voltará, portanto, cabe a mim guarda-las pra sempre comigo e ter desse tempo uma doce nostalgia, do tempo em que viver não passava de uma linda brincadeira e as nuvens ainda eram de algodão. Tempos e pessoas especiais ainda conhecerei no caminho, mas nunca esquecerei vocês.

1 comentários:

Loh!;D~ disse...

tu queres me ver chorar mesmo né ????
ahhh meu amor ...
tbm sinto uma saudade tremenda dessa época ....
de quando td era tão mais fácil .... mais simples ....
de quando dor de cabeça se limitava a passar de ano (no meu caso sempre uhauauha) e o carinha q gostávamos olhar p gente na hora do intervalo ....
de brincar no meio da aula ... de correr p bater nos meninos ...
é uma pena q td isso n possa voltar ... + vai estar sempre nos nossos corações ... e enquanto estivermos juntas .... td vai dar certo no fim .... pq sempre vai sobrar a risada, a alegria e as lembranças lindas do q vivemos

te amooooooooooooooooooooooooo!!!!!!